Nho Quim Pneus

Os melhores cuidados para o seu veículo!

Os melhores cuidados para o seu veículo! Balanceamento para distribuição do peso da roda evitando trepidações;
Alinhamento de pneus para maior estabilidade do veículo;
Rodízio de pneus para aumentar a vida útil dos seus pneus;
Checagem de freios para garantir a segurança da sua família.


Como todo equipamento, um carro exige alguns cuidados básicos para ter uma vida mais longa. Se forem bem tratados, os veículos atuais podem rodar por muitos anos sem maiores problemas. Além disso, essas medidas preventivas representam economia, segurança e garantem a valorização de seu patrimônio na hora da revenda. Veja mais detalhes abaixo:

Balanceamento: saiba a importância de manter o carro balanceado
O balanceamento das rodas ajuda a minimizar o desgaste desigual e estender o tempo de duração dos pneus. Quando as rodas são balanceadas, normalmente a cada 10.000 km, pesos são colocados para que elas fiquem uniformes.

É fácil perceber quando o seu carro está precisando de um balanceamento, o veículo apresenta uma trepidação da direção, e quando isso começa a acontecer é indicado que se leve a um mecânico, pois o carro pode acabar desenvolvendo outros problemas, como desgastes, perda de tração e perda de estabilidade.

Alinhamento: mantenha-se sempre na linha
Se você percebe que seu carro puxa para a direita ou esquerda quando você libera o volante por um curto período de tempo, você precisa verificar o alinhamento do seu veículo.

O alinhamento de um veículo é para ajustar os ângulos das rodas, mantendo-as perpendiculares ao solo e paralelas entre si. Na maioria dos carros, o alinhamento previne o desgaste irregular dos pneus, aumentando a sua vida útil, o aumento do atrito do pneu no solo, contribuindo para a economia de combustível do veículo e o deslocamento do veículo, melhorando a dirigibilidade e a segurança.

Quando o volante começa a puxar de um lado, o problema pode ser só a pressão irregular dos pneus. Entretanto, para eliminar a dúvida as oficinas contam com a máquina alinhadora, que detecta se o pneu está realmente alinhado ou não.

Quando o veículo está desalinhado, as bordas (ombros) dos pneus se desgastam mais rapidamente, comprometendo o desempenho do automóvel. Isso fará com que você tenha que trocar os pneus antes do esperado.

Manutenção de freios: segurança é o que importa
A revisão dos freios checa pastilhas, discos e tambores, cujo desgaste vai depender do uso feito pelo motorista. Também é preciso verificar o líquido de freio, para saber se há vazamentos e se já está na hora de trocá-lo - na Fiat, a troca se dá a cada 45 mil quilômetros, enquanto Chevrolet indica a cada 30 mil quilômetros; ou, em ambos, de dois em dois anos.

A pastilha de freio tem um período de assentamento, durante o qual a resposta do sistema de frenagem é um pouco mais lenta, e deve-se dirigir com mais cautela. Nos modelos Ford, esse tempo é cerca de 50 quilômetros, enquanto para os Fiat a adaptação pode demorar de 100 a 200 quilômetros.

Rodízio de pneus: otimize a vida útil de seus pneus
Prática comum em qualquer carro que utilize os quatro pneus e rodas iguais, seu objetivo é equilibrar o desgaste entre os quatro pneus alternando suas posições de acordo com a recomendação da montadora. Em carros de tração dianteira, os pneus frontais tendem a se desgastar bem mais que os traseiros, por conta do conjunto de força que estão sujeitos, como o torque do motor e o esforço direcional para esterçar.

Nesta situação, quando o rodízio é aplicado, os pneus traseiros, menos exigidos (mas não menos importantes), são colocados na dianteira, enquanto os frontais vão "descansar" no eixo traseiro. O rodízio também se aplica aos carros com tração traseira ou 4x4. Além da questão econômica de otimizar a vida útil dos compostos, as fabricantes de pneus alegam que a melhor estabilidade é encontrada utilizando os quatro pneus com desgaste semelhante.

Se um dos pneus estiver mais gasto em algum dos eixos, ocorre um desequilíbrio, principalmente, em pista molhada. Cada montadora ou fabricante de pneus indica uma quilometragem ideal para executar a operação, sempre entre 5 mil e 10 mil km.
http://www.acessozero.com.br/curitiba/servicos-automotivos/gadu-centro-automotivo/oferta-20927250